This is default featured slide 1 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.

This is default featured slide 2 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.

This is default featured slide 3 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.

This is default featured slide 4 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.

This is default featured slide 5 title

Go to Blogger edit html and find these sentences.Now replace these sentences with your own descriptions.

sexta-feira, 31 de março de 2017

Palavra da Bíblia plano de leitura

Palavra da Bíblia plano de leitura

Sempre que começa um ano fazemos planos, projeções, traçamos sonhos. Isso é muito bom! Só não é bom quando esquecemos de traçar objetivos espirituais e de comunhão com Deus. Pensando nisso, resolvemos publicar alguns planos de leitura bíblica para ajudá-lo a estudar a Palavra de Deus e crescer espiritualmente.

Escolha o método que mais se adéqua a você e comece o ano lendo a Bíblia!
1 – Quadro de leitura bíblica. Aqui temos um quadro onde você pode marcar o que for lendo. Além disso, tem algumas dicas de como você deve ler a Bíblia. Ideal para você ir acompanhando o que vai lendo.
Quadro de leitura da Bíblia – Clique aqui para abrir
2 – Plano de leitura para novos convertidos em 3 fases. Esse plano de leitura é ideal para quem ainda tem pouco tempo de conversão ou ainda não tem muito conhecimento da Bíblia. Ele traz três sequências interessantes de leitura que te fará conhecer os principais pontos da Bíblia em pouco tempo. Vale a pena fazer esse plano de leitura!
Plano de leitura bíblica para novos convertidos – Clique aqui para abrir
3 – Plano de leitura bíblica em 1 ano. Nesse plano você tem descritos quais capítulos da Bíblia precisa ler por dia para terminar a leitura em um ano. É um plano bem interessante, já que exige apenas uns 15 a 20 minutos de leitura por dia.
Plano de leitura da Bíblia em um ano – Clique aqui para abrir
4 – Plano de leitura da Bíblia em 3 meses. Esse é uma dos plano mais arrojados de leitura da Bíblia. Vai exigir cerca de 1 hora de leitura por dia. Quem quiser topar o desafio, vá em frente.
Plano de leitura da Bíblia em 3 meses – Clique aqui para abrir
5 – Plano de leitura da Bíblia para crianças. As crianças também devem ser incentivadas a ler a Palavra de Deus. Por isso compartilhamos um plano super legal que visa incentivar as crianças a ter um momento super divertido de leitura da Bíblia.
Plano de leitura da Bíblia para crianças – Clique aqui para abrir
6- Plano de leitura bíblica em um 1 ano em Excel. Para quem gosta de acompanhar suas leitura com gráficos e informações adicionais, esse plano é super legal.
Plano de leitura bíblica em 1 ano em Excel – Clique aqui para abrir


Clique aqui saiba mais

quinta-feira, 30 de março de 2017

Memorize capítulos da Bíblia mais facilmente!

Memorize  capítulos da Bíblia mais facilmente!




Por que memorizar
as escrituras sagradas?




Você já deve ter ouvido de muitas pessoas que é importante memorizar versículos da Bíblia , muitos dizem que devemos fazer isso para usarmos como escape na hora em que as as tentações baterem em nossa porta, para alcançar um nível de intimidade maior com Deus e muitas outras coisas.  Baseado nisto e no vídeo acima separamos uma lista com várias razões para você guardar a Palavra do Senhor em sua mente.
1. Memorizar as escrituras torna a meditação possível: Precisamos guardar a Palavra em nossas mentes para que em ocasiões onde não temos como ler a bíblia, por exemplo, meditar na palavra com o que já temos guardado. E a meditação é o caminho para um entendimento profundo da palavra. Então, se você vai meditar na lei do Senhor de dia e de noite (Sl 1:2), se faz necessária a memorização de um pouco das escrituras em sua mente.
2. Memorizar as escrituras fortalece a minha fé, pois a fé vem pelo ouvir, e ouvir a palavra de Deus (Rm 10:17). E isso acontece quando estou ouvindo a palavra em minha mente.
3. Memorizar as escrituras molda o jeito com que eu vejo o mundo, conformando a minha mente de acordo com o ponto de vista de Deus em tudo.
4. Memorizar as escrituras torna a palavra de Deus mais acessível para vencer as tentações do pecado, pois admoestações e as promessas de Deus são o caminho pelo qual vencemos as mentiras enganadoras do diabo.
5. Memorizar as escrituras protege a minha mente, fazendo com que seja mais fácil, para mim,d etectar erros. E o mundo está cheio de erros, pois “o deus deste mundo”(o diabo) é um mentiroso.
6. Memorizar as escrituras me capacita de golpear satanás na face com uma força que ele não pode resistir, para proteger a mim mesmo e a minha família de seus ataques.
7.Memorizar as escrituras fornece a fonte para um relacionamento com Jesus, pois Ele fala conosco através de sua Palavra e em nenhum outro lugar,  De uma forma doce, poderosa, autêntica e real, então nós o respondemos em oração, e se a palavra dEle estiver em nossa mente poderemos conversar com Ele em qualquer lugar.

terça-feira, 28 de março de 2017

Jesus Cristo Nosso Salvador

Jesus Cristo Nosso Salvador

Seguindo um ponto tradicional, o objeto de estudo da arqueologia seria apenas o estudo das “coisas”, particularmente os objetos criados pelo trabalho humano (os “artefatos”), que constituiriam os “fatos” arqueológicos reconstituíveis pelo trabalho de escavação e restauração por parte do arqueólogo. Essa concepção encontra-se muito difundida entre aqueles que consideram ser a tarefa do arqueólogo simplesmente fazer buracos no solo e recuperar objetos antigos. Na verdade, a palavra arqueologia deriva do grego e significa “conhecimento dos primórdios” ou “relato das coisas antigas”. Tive inclusive em Janeiro de 2011 o privilégio de participar de uma escavação arqueólogica em Israel e digo com toda a certeza que arqueologia não é Indiana-Jones. A arqueologia tem, nos últimos anos, alargado seu campo de ação para o estudo da cultura material de qualquer época, passada ou presente. A arqueologia industrial, por exemplo, estuda construções e objetos ligados à indústria, no passado e no presente. A arqueologia histórica constitui outro exemplo do estudo do passado recente e do próprio presente, pela arqueologia contemporânea. Mas existe uma outra parte da arqueologia divulgada muito mais nas últimas décadas pela quantidade de achados que estão ajudando a sua teoria a ser comprovada:
A arqueologia bíblica.
A arqueologia bíblica estuda restos materiais relacionados direta ou indiretamente com os relatos bíblicos e com a história das religiões judaicocristãs. E é sobre a sua relação com a veracidade histórica de Cristo que iremos falar hoje neste artigo.


Jesus Cristo Nosso Salvador e a Arqueologia

“Flávio Josefo (37-100 d.C), um historiador judeu que se aliou aos romanos, escreveu um clássico tratado sobre a história dos judeus, desde os primórdios até o primeiro século d.C., período em que ele mesmo vivera. Ele menciona nominalmente Jesus em pelo menos 3 ocasiões, embora a última seja reconhecidamente uma interpolação tardia e, portanto, não merece ser avaliada.
Mas, numa designação muito clara do ministério de Jesus, ele escreveu:
Por esse tempo, surgiu Jesus, homem sábio (se é que na realidade se pode chamar de homem). Pois era obrador de feitos extraordinários e mestre dos homens que aceitam alegremente coisas estranhas. Ele arrastou após si muitos judeus e muitos gregos. Era considerado o Messias. Embora Pilatos, por acusações de nossos chefes, O condenasse à cruz, aqueles que O tinham amado desde o princípio não cessaram de proclamar que, passado o terceiro dia, Ele apareceu-lhes novamente vivo. Os profetas de Deus tinham respeito por Ele. Ademais, até o presente, a estirpe dos cristãos, assim chamada por referência a Ele, não cessou de existir.‘ ”
Nesse texto podemos ver claramente a visão de Josefo sobre o mestre e seus milagres. Ele não era seu seguidor e portanto não teria porque repetir o testemunho de seus feitos. Josefo, provavelmente não teria visto pessoalmente nenhum dos milagres (ele nasceu depois de sua morte), mas conheçeu testemunhas pessoais dos fantásticos acontecimentos relacionados ao ministério dEle.
Mas, será que existe algum relato romano sobre cristo?
O historiador Tácito que, por volta do ano 115 mencionou o incêndio de Roma de 64 d.C. e mencionou a perseguição de Nero aos cristãos e o nome de Cristo que, segundo ele, não era um título mas um nome.


Os essênios e o Cristianismo

Seguindo o entusiasmo inicial provocado pela descoberta dos rolos do Mar Morto e a publicação das obras principais dos essênios, vários estudiosos procuraram estabelecer paralelos entre as idéias religiosas e as práticas dos essênios e a igreja cristã primitiva.
Mas se há alguma semelhança entre os ensinos de cristo e a seita, é porque ambos remontam à mesma fonte: o velho testamento.
Não há nenhuma evidência de contato entre Jesus e a comunidade de Qumram, por outro lado, João Batista, durante sua longa permanência no deserto poderia ter algum contato com os essênios. Isto não quer dizer que João aprendeu algo com os essênios.
Os Essênios não eram os únicos a advogar uma vida de ceticismo ou a praticar o batismo. Se João partilhava com os essênios a expectativa do Messias, a qual se considerava o precursor, havia inúmeros outros israelitas que acariciavam a mesma esperança. Convém mostrar que em contraste com os essênios que viviam no deserto, João dirigia sua palavra a todos e não apenas a uma elite espiritual. Além disso, o batismo realizado por João era feito uma só vez e não várias vezes como os essênios faziam.


Baixo império-romano: o início da perseguição

Jesus pregou suas idéias durante o governo de Otávio Augusto (27 a.C. – 14 a.C). Após a morte de Jesus, as idéias cristãs se propagaram por todo o império, conquistando um considerável número de adeptos.
Mas porque a propagação do cristianismo tornou-se um problema para Roma?
As idéias defendidas por Cristo eram completamente opostas a religiao romana, inclusive colocando em dúvida o caráter divino do imperador. O cristianismo foi abraçado pela maioria da população, especialmente por escravos , que se identificaram com o princípio de igualdade entre os homens diante de um único Deus.
ICHTUS?
Se você pensa que a cruz de cristo é o símbolo cristão mais antigo, está errado. Na verdade a cruz nem símbolo cristão é.
A cruz, era um dos métodos mais cruéis e brutais de morte criado pelos romanos, o que não se adapta muito a uma religião que prega o amor de uns aos outros, não acha?
. Os cristão primitivos usavam o desenho de um peixe como código de identificação. A palavra ICHTUS, “peixe” em grego, servia para traduzir a expressão Jesus (Iesous) Cristo (CHristos) Filho de Deus (THeou Uios) Salvador (Sôter). Preste atenção nas iniciais em negrito.



A Destruição de Jesrusalém
Lucas 21:6 Quanto a estas coisas que vedes, dias virão em que não se deixará pedra sobre pedra, que não seja derrubada.
No ano de 66 d.C. a revolta judaica começou inicialmente devido a tensões religiosas entre gregos e judeus com protestos anti-taxações e ataques a cidadãos romanos. Terminou quando as legiões romanas sob o comando de Tito sitiaram e destruíram o centro da resistência rebelde em Jerusalém e derrotaram as restantes forças judaicas.
Segundo Josefo, os romano ficaram horrorizados ao verem que com o cerco “mães se alimentavam da carne de seus próprios filhos para poderem sobreviver”. As pessoas pensaram que se refugiando no templo estariam a salvo já que a ordem de Tito era de não o destruir. Mas um soldado no quente da batalha atirou uma flecha flamejante no templo e assim segundo Josefo, o sangue escorria pelas paredes como água. O templo era feito de ouro e os soldados no dia seguinte tentaram tirar o ouro de dentro das pedras e assim a profecia acaba se cumprindo. Outra vez, as muralhas e o templo de Jeová (que o rei Herodes ampliara e embelezara, tornando-o portentoso) foram destruídos, e o resto da cidade voltou a ficar em ruínas.
Conclusão
Por mais que arqueologia possa provar a veracidade do Jesus histórico, nada vai mudar em sua vida se você não tiver fé e acreditar que sua vida pode ter um rumo diferente. “Ele há de voltar assim como prometeu e mesmo que a arqueologia não possa ‘provar’ isso, podemos verificar nos rastros do passado as evidências e os passos de um Deus que se aproxima. Vislumbrar Sua face entre as nuvens e anjos no céu será, sem dúvida, o maior de todos os achados!”

sábado, 25 de março de 2017

Curiosidades da Biblia

Curiosidades da Bíblia


Curiosidade da Bíblia Se você tem curiosidade sobre algum assunto na Bíblia chegou ao lugar certo. Nós, da Universidade da Bíblia®, preparamos esta página especial sobre curiosidades bíblicas.
Confira!
1. Quais os livros da Bíblia que tem apenas 1 capítulo ?
R: Obadias, Filemom, II João, III João e Judas.
2. Quais os livros da Bíblia que terminam com um ponto de interrogação ?
R: Lamentações, Jonas e Naum.
3. Qual o menor livro da Bíblia?
R: II João (possui somente 13 versículos).
4. Qual o maior livro da Bíblia?
R: Salmos (possui 150 capítulos).
5. Qual o menor capítulo da Bíblia?
R: Salmo 117 (possui 2 versículos).
6. Qual o maior capítulo da Bíblia?
R: Salmo 119 (possui 176 versículos).
7. Qual o menor versículo da Bíblia ?
(Isso varia conforme a versão. Na Almeida Revista e Corrigida, é Lc 20.30: “e o segundo”. Na Revista e Atualizada, porém, Jó 3.2 tem apenas 7 letras: “Disse Jó:”.)
Êxodo 20-13 (possui 10 letras).
8. Qual o maior versículo da Bíblia ?
R: Ester 8-9 (possui 415 caracteres).
9. Quantas palavras a Bíbliacontêm aproximadamente ?
R: 773.693 palavras
10. Quantas letras a Bíblia contêm aproximadamente ?
R: 3.566.480 letras.
11. Quantos capítulos e quantos versículos a Bíblia possui ?
R: 1.189 capitulos e 31.102 versículos.
12. Em quais os livros da Bíblia não encontramos a palavra Deus ?
R: Ester e Cantares de Salomão.
Gênesis
13. Quem foi o primeiro bígamo citado na Bíblia e quais eram os nomes das esposas ?
R: Lameque. Ada e Zilá. Gênesis 4-19.
14. Quem foi o pai dos que habitam em tendas e possuem gado ?
R: Jabal. Gênesis 4-20.
15. Quem foi o pai de todos os que tocam harpa e flauta ?
R: Jubal. Gênesis 4-21.
16. Quem era rei e sacerdote ao mesmo tempo ?
R: Melquisedeque. Gênesis 14-18.
17. Qual é a única mulher cuja idade é mencionada na Bíblia ?
R: Sara. Gênesis 23-1.
18. Onde lemos na Bíblia de camelos se ajoelhando ?
R: Gênesis 24-11.
19. Quais os nomes dos filhos de Abraão?
R: Zinrá, Jocsã, Medã, Midiã, Jisbaque, Sua (filhos de Quetura), Isaque (filho de Sara) e Ismael (filho de Hagar). Gênesis 25-2,9.
Êxodo
20. Qual a mãe que recebeu um salário para criar o seu próprio filho ?
R: Joquebede, mãe de Moisés. Êxodo 2-8,9,10.
21. Qual o nome do homem acusado por sua esposa de derramar sangue ?
R: Moisés. Êxodo 4-24,25.
22. Qual o sobrinho que se casou com a sua tia ?
R: Anrão, pai de Moisés. Êxodo 6-20.
23. Onde se lê na Bíblia que as águas, por serem amargas, não serviam para consumo, porém tornaram-se doces depois ?
R: Êxodo 15-23,24,25.
24. Onde se encontra a lei, por meio da qual um escravo ganhava liberdade por perder um dente ?
R: Êxodo21-27.
25. Onde se lê na Bíblia que os israelitasforam advertidos para obedecerem a um Anjo ?
R: Êxodo 23-20,21.
Números
26. Qual o rei teve os seus inimigos abençoados pelo profeta que ele tinha chamado para os amaldiçoar ?
R: Balaque, rei de Moabe. Números 22-5,6,12 + Números 23-11,12.
27. Qual o cavaleiro que teve o seu pé imprensado contra o muro?
R: Balaão. Números 22-25.
Deuteronômio
28. Onde se lê na Bíblia sobre a conservação da natureza ?
R: Deuteronômio 20-19.
29. Quais os alimentos que o povo de Israel não comeu durante os 40 anos de peregrinação pelo deserto ?
R: Pão e vinho. Deuteronômio 29-5,6.
30. Quais as 4 cidades mencionadas na Bíblia que foram destruídas por causa da ira de Deus ?
R: Sodoma, Gomorra, Admá e Zeboim. Deuteronômio 29-23.
31. Quem foi sepultado por Deus em um vale ?
R: Moisés. Deuteronômio34-5,6.
Josué
32. Que homem, citado na Bíblia, era o mais alto no meio do seu povo (que era formado por gigantes) ?
R: Arba. Josué 14-15.
33. Onde se lê na Bíblia o nome de um estado brasileiro e de sua capital ?
R: Pará – Josué 18-23 e Belém – Josué 19-15.
Juízes
34. Que rei reconheceu que Deus fez com ele o mesmo que ele tinha feito aos seus inimigos ?
R: Adoni-Bezeque, rei de Bezeque. Juízes 1-6,7.
35. Qual o rei citado na Bíblia pelo seu peso ?
R: Eglom, rei dos moabitas. Juízes 3-17.
36. Qual o juiz de Israel que libertou o seu povo, usando um ferrão de tocar bois ?
R: Sangar. Juízes 3-31.
37. Qual o comandante de Israel que disse que só iria à batalha se uma mulher fosse com ele ?
R: Baraque. Juízes 4-4,6,8,9.
38. Qual a mulher que acolheu o seu inimigo e depois o matou ?
R: Jael. Juízes 4-18,21.
39. Qual a mãe que aguardava ansiosamente seu filho, olhando pela janela ?
R: Mãe de Sísera. Juízes 5-28.
40. Qual o filho de um juiz de Israel que, depois da morte do seu pai, se declarou rei junto a seus irmãos e depois os matou ?
R: Abimeleque. Juízes 9-1,2,3,4,5,6.
41. Qual o juiz de Israel tinha 30 filhos, que cavalgavam 30 jumentas e tinham 30 cidades ?
R: Jair. Juízes 10-4.
42. Que personagem bíblico prometeu sacrificar ao Senhor a 1ª pessoa que visse ao voltar vitorioso da batalha e quem foi sacrificado ?
R: Jefté. Sua filha. Juízes 11-30,31,32,34,35,39,40.
43. Qual o homem que, depois de morto, matou mais pessoas que em sua vida ?
R: Sansão. Juízes 16-30.
Rute
44. Qual era o nome da bisavó de Davi?
R: Rute. Rute 4-13,16,17.
I Samuel
45. Qual o juiz que morreu após cair da cadeira para trás ?
R: Eli. I Samuel 4-18.
46. Que mulher que, ao saber que a Arca do Senhor tinha sido tomada e de que seu marido e seu sogro tinham morrido, teve um parto prematuro e, depois, morreu ?
R: A mulher de Finéias. I Samuel 4-19,20.
47. Que povo foi derrotado na batalha por causa dos trovões ?
R: Os filisteus. I Samuel 7-10.
48. Quem ganhou um reino quando procurava as jumentas do seu pai ?
R: Saul. I Samuel 9-2,3,17.
49. Qual o homem que, engatinhando, venceu uma batalha e contra que povo ele estava guerreando ?
R: Jônatas, filho do rei Saul. Filisteus. I Samuel14-13,14.
50. Onde se menciona o queijo na Bíblia pela 1ª vez ?
R: I Samuel 17-18.
www.universidadedabiblia.net
II Samuel
51. Quem foi condenado à morte por ter matado um rei de Israel ?
R: Um moço amalequita. II Samuel 1-1 a 16.
52. Quais os 2 irmãos que, depois de mortos, tiveram suas mãos e pés decepados ?
R: Recabe e Baaná. II Samuel 4-8,9,10,11,12.
53. Que homem israelita era celebrado por sua beleza ?
R: Absalão. II Samuel 14-25.
54. Quem cortava os cabelos no fim de cada ano, pois os mesmos muito lhe pesavam ?
R: Absalão. II Samuel 14-25,26.
55. Qual o nome do amigo do rei Davi, que disse que estaria a seu lado em qualquer situação ?
R: Itai. II Samuel 15-21.
56. Quais os 2 homens que, ajudados por uma mulher, se enconderam em um poço, conseguindo, assim, enganar os seus inimigos ?
R: Jônatas e Aimaás. II Samuel 17-17,18,19,20,21.
57. Quem foi o 1º homem, citado na Bíblia, que se enforcou ?
R: Aitofel. II Samuel 17-23.
58. Quem matou o irmão quando o beijava ?
R: Joabe. II Samuel 20-9,10.
59. Quem matou um gigante que tinha 6 dedos em cada mão e em cada pé ?
R: Jônatas, irmão de Davi. II Samuel 21-20,21.
60. Quais os 3 melhores guerreiros do exército do rei Davi ?
R: Josebe-Bassebete, Eleazar e Samá. II Samuel 23-8,9,10,11,12.
I Reis
61. Qual o personagem bíblico que morreu por ir em busca dos seus escravos fugitivos ?
R: Simei. I Reis 2-40,42,46.
62. Quantos provérbios escreveu Salomão ?
R: Três mil. I Reis 4-32.
63. Quantos cânticos Salomão compôs ?
R: Mil e cinco. I Reis 4-32.
64. Por que o rei Davi não pôde construir um Templo para Deus ?
R: Por causa das muitas guerras que ele teve de enfrentar contra os seus inimigos. I Reis 5-3.
65. De onde foi tirada a madeira para a construção do 1º Templo de Jerusalém ?
R: Do Líbano. I Reis 5-6.
66. Quais os reis que praticaram comércio marítimo entre os seus reinos ?
R: Hirão, rei de Tiro e Salomão, rei de Israel. I Reis 9-27.
67. Quantas vezes Deus apareceu a Salomão ?
R: Duas vezes. I Reis 11-9.
68. Qual o nome do rei de Israel cujo filho morreu quando sua mãe entrou em casa ?
R: Jeroboão. I Reis 14-1,2,17.
69. Qual o rei de Israel que morreu queimado em seu próprio castelo ?
R: Zinri. I Reis 16-18.
II Reis
70. Onde se lê na Bíblia a morte de um grupo de rapazes por terem zombado de um servo do Senhor, chamando-o de careca ?
R: II Reis 2-23,24.
71. Quem morreu de dor de cabeça ?
R: O filho da mulher de Suném. II Reis 4-17,18,19,20.
72. Quem foi a 1ª pessoa na Bíblia que realizou o milagre da multiplicação de pães ?
R: Eliseu. II Reis 4-42,43,44.
73. Quem fez o ferro flutuar na água ?
R: Eliseu. II Reis 6-6.
74. Qual o nome que deram à serpente de bronze levantada por Moisésno deserto ?
R: Neustã.II Reis 18-4.
75. Quem, pela oração, teve sua vida aumentada por 15 anos ?
R: Rei Ezequias. II Reis 20-1,2,3,4,5,6.
76. Qual o rei que adivinhava pelas nuvens, praticava feitiçaria e queimou o seu filho em sacrifício ?
R: Manassés, rei de Judá. II Reis 21-6,11.
I Crônicas
77. Por que Rubens, o filho mais velho de Jacó, perdeu a sua primogenitura ?
R: Por ter profanado o leito do seu pai. I Crônicas 5-1.
78. Qual o nome da mulher fundadora de duas cidades ?
R: Seerá. I Crônicas 7-24.
79. Por que o rei Saul morreu ?
R: Por causa da sua transgressão contra o Senhor, por não ter guardado a Palavra do Senhor e por ter consultado uma necromante. I Crônicas 10-13,14.
80. Quem perdeu a vida por ter tocado na arca de Deus ?
R: Uzá. I Crônicas 13-9,10.
81. Quem recebeu a visita de um anjo quando debulhava trigo ?
R: Ornã. I Crônicas 21-20.
82. Qual homem que, além de profetizar, regia os seus 6 filhos com harpas em ações de graças e louvores ao Senhor ?
R: Jedutum. I Crônicas 25-3.
II Crônicas
83. Quais as 3 festas anuais que a Lei Mosaica estabelecia e o rei Salomão obedecia ?
R: Festa dos Pães Asmos, Festa das Semanas (Pentecostes) e Festa dos Tabernáculos. II Crônicas 8-13.
84. Qual o profeta que foi esbofetiado ?
R: Micaías. II Crônicas 18-23,24.
Esdras
85. Onde se lê que o barulho do choro não era ouvido, porque os gritos de alegria eram maiores ?
R: Esdras 3-12,13.
Ester
86. Quais os nomes dos 3 reis citados na Bíblia, que tiveram insônia ?
R: Assuero, rei da Pérsia – Ester 6-1,2 ; Nabucodonosor, rei da Babilônia – Daniel 2-1 e Dario, rei da Pérsia – Daniel 6-18.
87. Quem morreu pelo instrumento que pretendia matar seu inimigo ?
R: Hamã. Ester 7-10.

88. Qual o nome do servo de Deus que teve seus filhos mortos por um tufão ?
R: Jó. Jó 1-18,19.
89. Quem chamou os médicos de mentirosos ?
R: Jó. Jó 13-4.
90. Que personagem bíblico que se vestia de justiça e era pai dos necessitados ?
R: Jó. Jó 29-14,16.
91. Qual a ave, citada na Bíblia, que trata os seus filhos como se não fossem seus ?
R: A avestruz. Jó 39-13,14,15,16.
Salmos
92. Quais os 2 salmos que são idênticos ?
R: Salmo 14 e Salmo 53.
93. Qual é o versículo que se encontra no meio da Bíblia ?
R: Salmo 118-8.
Provérbios
95. Onde se lê que o coração alegre é bom remédio ?
R: Provérbios 17-22.
Eclesiastes
96. Onde se lê que a mágoa é melhor que o riso ?
R: Eclesiastes 7-3.
Isaías
97. Qual rei que teve o seu coração agitado como árvores no bosque ?
R: Rei Acaz. Isaías 7-2.
98. Onde se lê que o lobo, o cordeiro e o leão comerão palha juntos ?
R: Isaías 65-25.
Jeremias
99. Qual a mãe animal que abandona suas crias por falta de água ?
R: Veada. Jeremias 14-4,5.
100. Que falso profeta lutou contra um profeta de Deus e morreu naquele mesmo ano por sua rebeldia contra o Senhor ?
R: Hananias. Jeremias 28-15,16,17.

+ de 20 cursos bíblicos e teológicos para aperfeiçoamento Cristão em todas as áreas (EBD, Ministério infantil, Pregação, Teologia) Descubra em: www.universidadedabiblia.net/home
101. Qual o profeta mentiroso que Deus disse que não teria mais descendentes e não veriam o bem que Ele iria fazer ?
R: Semaías. Jeremias 29-31,32.
102. Onde a Bíblia compara o coração dos valentes com o coração da mulher que está com dores de parto ?
R: Jeremias 49-22.
103. Que profeta escreveu um livro falando dos males que aconteceriam a uma determinada cidade ? Qual o nome da cidade e qual o nome do rio dessa cidade onde o livro deveria ser lançado, após sua leitura em voz alta ?
R: Jeremias. Babilônia e rio Eufrates. Jeremias 51-60,61,62,63,64.
104. Qual o nome do 1º aposentado da Bíblia ?
R: Rei Joaquim. Jeremias 52-33,34.
Ezequiel
O curso é direcionado para “Formação” do professor evangelista de criança, cada módulo apresenta de modo geral uma diretriz básica na formação do educador cristão. É através deste curso que você obtém um preparo tanto teológico como também educacional suficiente para as necessidades básicas da vida ministerial.
   O conhecimento bíblico e histórico fornecido através de cada módulo, que compõem este currículo, lhe dará base suficiente para você realizar um ministério eficaz. Nosso método foi desenvolvido após anos de experiência no Ministério Infantil e é através de um trabalho sério e organizado, que já se formaram inúmeras pessoas, as quais já estão atuando em diversas áreas de grande importância nas igrejas locais. 100% a distância

sexta-feira, 24 de março de 2017

Universidade da Biblia

Universidade da Bíblia


A Bíblia é diferente de todos os outros livros pelo fato de conter as origens da criação, as alianças de Deus com os homens, a história de Israel e da Igreja Apostólica, as profecias reveladoras do futuro, bem como por revelar o insondável amor de Deus na pessoa de Jesus Cristo como o Salvador do mundo. Portanto, a Bíblia Sagrada poderia ser definida como uma só frase – Ela é a Palavra de Deus.
Como Palavra de Deus, ela não contém erro de qualquer espécie. Um exemplo – Em 1865, críticos da Bíblia relacionaram “50 erros científicos” encontrados nela. Vinte anos mais tarde, nenhum daqueles supostos erros ficou confirmado.
Vale a pena ouvir o que algumas pessoas célebres falaram acerca da Bíblia.
Cardeal Arcoverde disse: “Que regra mais pura e santa, que caminho mais seguro para o homem público, para o político, do que a verdade vinda do céu, pregada e ensinada pela boca de um Deus e registrada no livro do evangelho? Leia-se, pois, medite-se no livro santo do evangelho!”
Ivan Espíndola de Ávila, meu colega da Academia Evangélica de Letras do Brasil, disse: “Impressiona-nos, na contemplação do mundo atual, a exatidão das Sagradas Escrituras. Nestes nossos tempos, com a precisão admirável, cumprem-se previsões do velho e bendito livro. Páginas proféticas assumem o sabor de crônicas contemporâneas, em que fatos e feitos, na história e através dos homens, proclamam a veracidade da eterna palavra, que não falhou e nem falhará. Por isso é tempo de voltar à Palavra de Deus. E é isso que a humanidade está fazendo, depois de tantas fugas. Depois de procurar tantos caminhos, onde a frustração lhes foi fatal, os homens retornam ao caminho, ao único e verdadeiro caminho. E, nesse caminho, em sentido de libertação e esperança, brilha a palavra, que é luz e lâmpada de Deus.”
Charles Esponguro, famoso pregador inglês, escreveu: “Depois de ter pregado o evangelho por quarenta anos, e de ter impresso os sermões que preguei semanalmente durante trinta e seis anos, tendo estes alcançado o número de 22 mil, creio que devo ter direito a dizer algo sobre a riqueza e plenitude da Bíblia como o livro do pregador. Irmãos, ela é inesgotável. Não haverá perigo de ficarmos secos se nos apegarmos ao texto deste volume sagrado. Não haverá dificuldade em arranjar assuntos totalmente distintos dos já usados; a variedade é tão infinita como a sua plenitude. Uma longa vida mal dá para ladear as margens deste continente de luz. Nos quarenta anos do meu ministério tenho podido apenas tocar a orla das vestes da verdade divina, mas que virtude já fluiu dela! A Palavra é como o seu Autor – infinita, imensurável, eterna. Se fosses ordenado ao ministério por toda a eternidade, terias na mão tema suficiente para as exigências eternas.”

Em que Sentido a Bíblia é a Palavra de Deus?
A Bíblia é a Palavra de Deus por ter sido inspirada por Ele. Ao longo de suas páginas afirma-se duas mil e oito vezes que Deus é seu Autor. No Novo Testamento, essa autoria divina é reclamada 225 vezes, cerca de 50 vezes pelo próprio Senhor Jesus.
Sendo a Palavra viva de Deus, é de se esperar que encontremos nela um vínculo que unifique todos os seus livros, apesar de estes terem sido escritos em épocas diferentes e em lugares distintos. Esse vínculo é a apresentação, direta ou indireta, que cada livro bíblico faz da pessoa de Jesus.

sexta-feira, 17 de março de 2017

Musica Gospel

Musica Gospel 




Samuel Moysés,29 anos,guitarrista do renomado conjunto Voz da verdade é filho do pastor Carlos A.Moysés tem todos os atributos necessários para atrair olhares,entretanto,se diz defensor da família e encontrou em Rozeani  mais que uma esposa,mais alguém que o auxilia em seu ministério e trabalho cotidiano. "Eu a cnheci num acampamento,mas antes disto já estava de olho nela",lembra com alegria. A família de Rozeani é (em sua maioria) da Igreja Assembléia de Deus e ela também nasceu com o dom do canto,talvez venha dai a afirmação hormônica do casal,que apenas um ano e meio depois de namoro já estava casados,Após cinco anos de matrimônio,Samuel fala da esposa com sorriso nos lábios e comenta com felicidade o desenvolvimento do filho Bruno,hoje com quase dois anos de idade.




Musica Gospel Nascido na cidade de Santo André- S.P./Brasil, filho primogenito de Carlos Alberto Moysés e de Liliani Zanirato Moysés, Samuel Moysés é guitarrista e vocalista da Banda Voz da Verdade, tem dois irmãos, Cristiane Moysés e Daniel Moysés, baterista da Banda Voz da Verdade. Casado com Rosiane Sena Moysés, tem um filho chamado Bruno Moysés e uma filha Rafaella que completam a vida do casal. Bruno e Rafaella são dois vasos de bênçãos na vida de Rosiane e Samuel.
Samuel começou a tocar violão aos dez anos de idade no acampamento que a igreja organiza todo ano, ali aprendeu as primeiras posições dos acordes. Samuel assistia aos cultos e adorava ver seu pai tocando guitarra como ninguém, aqueles pedais de guitarra, aquelas guitarras da época, pedaleiras, enfim, aquele som o deixava fascinado, gerando inspiração para uma longa jornada. No final dos anos 80, em sua adolescência, Samuel era guitarrista solo e vocal de uma banda junto com Daniel(bateria), Ricardo(baixo), Lídia Moysés(percurssão), Sara(vocal), Anderson (guitarra), Rebeca(vocal) - a banda Quezalon era liderada pelo Ibsen, hoje baixista da Banda Voz da Verdade. Na época essa banda fazia muito sucesso, tinha um instrumental muito bom, cheio de Riffs, uma pegada bem heavy, ou seja, forte. Tocava músicas do Voz da Verdade em estilos bem diferentes, era a atração da igreja, todos ficavam encantados com a sonoridade da banda. Daí em diante Samuel despontava como guitarrista e vocalista, se profissionalizando cada vez mais, comprava muitas vídeo aulas da época e estudava bastante cada detalhe de seus guitarristas preferidos, comprava também seus primeiros pedais de efeitos e guitarras, procurando assim aperfeiçoar suas técnicas. 

  Com 17 anos de idade, em 1993, Samuel entra na banda Voz da Verdade, gravando seu primeiro disco, ainda LP na época, o disco chamado "Não é tarde demais" - foi sua primeira experiência em estúdio, fazendo algumas guitarras, violões e backing vocal, como na música "Não é tarde demais" e solo de violão e outras músicas. Pra quem não sabe, Samuel entrou na banda fazendo backing vocal, bem no começo, logo depois como guitarrista renomado, ele já fazia a galera vibrar com seus solos de guitarra e sua voz como cantor solo. Samuel sempre gostou de ir a shows de outros guitarristas ou bandas, já foi em vários shows como, Yngwie Malmsteen, assistiu 2 vezes Joe Satriani, no Olímpia e no Credicard Hall, e 2 vezes Steve Vai que para ele é um dos melhores e mais completo guitarrista que já viu. 


quarta-feira, 15 de março de 2017

hinos evangelicos

hinos evangélicos


Hinos evangélicos A música tem funções que só ela pode ocupar. Ela diz se estamos tristes ou alegres. Está presente antes de nascermos e na nossa despedida dá o tom. Algumas músicas do cancioneiro evangélico nos desperta e incentiva pelo momento ou inspiração do autor. Semanalmente estarei contando alguma história de hinos e a minha relação com eles. ENVIE SEU COMENTÁRIO e sua história para divulgarmos também! “Firme está o meu coração, ó Deus, o meu coração está firme; cantarei e entoarei louvores.”Sl 57:7




Em abril, num encontro de pastores, eu acompanhava minha esposa e o grupo que trazia nos o louvor contou a história daquele hino.
Eu me identifiquei de tal forma com o autor que chorei copiosamente, tendo na lembrança os ensinamentos de minha mãe e seus preciosos conselhos.
Aqui está a história que mais gosto deste hino bem como a letra e o vídeo da Catedral Evangélica de São Paulo cantando esta linda melodia.

Em Novembro de 1873, o "Ville de Havre" zarpou da cidade de Nove Iorque para a Europa. Entre os passageiros encontrava-se, a bordo, a Sra. Spafford, esposa de um advogado em Chicago, com seus quatro filhos.
A viagem estava quase no fim, estando já à vista as costas da Inglaterra, quando ocorreu uma terrível catástrofe. No escuridão da noite um barco colidiu com o "Ville de Harve" e este começou logo a afundar.
A Sra. Spafford ajuntou os seus filhos ao seu redor e encomendou-os a Deus. À medida que a água subia, mais e mais, dentro do navio, um dos filhos procurou confortar sua mãe em prantos, lembrando-lhe de que era tão fácil ser chamado à presença de Cristo, tanto do mar, como se da casa, na América!
Um a um, os seus queridos filhos foram arrancados dos seus braços. perecendo diante dos seus olhos. Ela, porém, foi milagrosamente poupada e salva, algumas horas mais tarde, por outro navio.
Supondo que a notícia do desastre seria logo divulgada pelo mundo, a Sra. Spafford assim que atingiu o porto, enviou um telegrama ao seu marido. Este havia recebido a notícia do naufrágio do navio e da perda de seus passageiros, mas ainda não sabia da perda dos seus entes queridos.
Com o coração pulsando fortemente e com mãos vacilantes ele abriu o envelope. A mensagem era curta, consistindo em apenas duas palavras. Seus olhos foram diretos à palavra "salva", dando ao seu coração uma repentina sensação de alegria. Relendo, porém, o telegrama, notou a segunda palavra: "só", causando-lhe uma terrível mudança de sentimentos. Num determinado momento foi cheio de um gozo inefável; e no momento seguinte, inundado de indescritível tristeza!
Contudo, ele pôde agradecer a Deus por ter salvo a sua amada esposa, ainda que lamentasse a perda dos filhos queridos.
Dois anos mais tarde o mesmo Sr. Spafford perdeu grande parte dos seus bens num incêndio que houve em Chicago, mas a sua fé cristã sempre firme permitiu que ele superasse a todas aquelas perdas.
A despeito de tudo o que lhe aconteceu, foi capaz de sentar-se e 
escrever o lindo hino que focalizamos e que se tornou tão conhecido em todo o mundo evangélico. 


Há muitas famílias nas quais existem pessoas salvas e pessoas perdidas. Aquelas que estão preparadas e aquelas que não estão preparadas para se encontrarem com um Deus santo e que odeia o pecado!
Nalgumas delas é possível que o marido seja salvo e a esposa não; uma irmã salva e um irmão, perdido; e assim por diante. Que coisa terrível será, na eternidade, se sua mãe, ou seu pai, ou irmã ou irmão, ou esposa ou esposo, for salvo e você - PERDIDO!
E se falamos em ser salvo, devemos pensar num meio de salvação; e quando Deus nos fala da Sua grande salvação, Ele nos fala, também, a respeito do nosso grande Salvador, o Senhor Jesus. Ele nos fala, ainda, como podemos estar certos dessa salvação: "Se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus O ressuscitou dentre os mortos, serás salvo" (Romanos 10.9).
Você quer ter, também, esta certeza?
O hino desta primeira história é o do Hinário Adventista nº 230